Vote no Prêmio Dynamite de Música Independente 2020

O Prêmio de Dynamite de Música Independente, maior e mais tradicional premiação desta importante cena, voltará a acontecer em 2020, após um hiato de 3 anos. O projeto teve sua primeira edição em 2002, e este evento embrionário e inovador à época se tornou o principal mapeador e catalizador de toda a cena musical independente brasileira.

Para a edição deste ano, a curadoria levantou cerca de 400 trabalhos divididos em 19 categorias, abrangendo todo o âmbito da música independente e de quem a apoia (rádios, sites, TVs, personalidades), de todos os 27 estados do país entre os anos de 2018/19. As categorias são:

Melhor lançamento de rock, Melhor lançamento de indie rock, Melhor lançamento punk / hardcore, Melhor lançamento de heavy metal, Melhor lançamento de rap / hip hop / black music, Melhor lançamento pop, Melhor lançamento de música eletrônica, Melhor lançamento de MPB, Melhor lançamento de reggae, Melhor lançamento de música instrumental, Revelação, Melhor Selo, Melhor casa de shows alternativos, Melhor Evento, Melhor revista, fanzine, site, blog ou coluna, Melhor programa de TV ou emissora, Melhor programa de rádio ou emissora, Melhor produtora, coletivo ou entidade, Personalidade.

Além disso, a produção oferecerá 3 Prêmios Especiais para o conjunto da obra de 3 personalidades que fomentaram a cena independente ao longo de sua trajetória.

A votação para escolher os melhores trabalho é feita exclusivamente pela Internet, através da cédula de votação no site www.dynamite.com.br. Os vencedores após o período de votação (que se encerra em 30 de setembro de 2020), serão conhecidos na Cerimônia de Premiação, que acontecerá no dia 14 de outubro de 2020 no já tradicional palco do evento em suas últimas edições, o Teatro Sérgio Cardoso.

A cerimônia deste ano trará inovações como transmissão ao vivo, mesclando apresentações no próprio teatro, com lives e interatividade com os vencedores através da plataforma https://culturaemcasa.com.br/, sob gestão e produção da Amigos da Arte, com realização da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo

A volta do CMIJ em 2020

O CMIJ – Centro de Música e Inclusão de Jovens é um projeto da ACESD – Associação Cultural Educacional e Social Dynamite, que retorna totalmente renovado em 2020, patrocinado pelo Grupo Protege, através da Lei de Incentivo à Cultura, da Secretaria Especial da Cultura, do Ministério do Turismo do Governo Federal.

O CMIJ visa ampliar a difusão e multiplicar informação sobre música, aonde desde 2009 já formou mais de 3000 pessoas, trazendo oportunidades para um número ainda maior de jovens e adultos interessados em desenvolver habilidades na área de música / arte-educação.

As aulas serão em sistema híbrido virtual e presencial, e as inscrições para os cursos gratuitos se iniciam ainda no mês de agosto, após o processo de seleção dos professores e arte-educadores.

Para se inscrever, acesse o site www.cmij.org.br.

Workshop Drag Queen concluído com sucesso na Zona Leste

Workshop Drag Queen – Processo de Criação de Personagem
Centro de Cidadania LGBTI Laura Vermont – Zona Leste

O Centro de Cidadania LGBTI Laura Vermont realizou com extremo sucesso e repercussão de mídia, o “Workshop de Drag Queen – Processo de Criação de Personagem”, que ensinou técnicas para a construção de uma personagem Drag. Apesar do fenômeno de popularidade drag queen ser relativamente recente, a maior parte deles é composta de homens cis gays, mas isso não é uma regra – todas as pessoas são bem-vindas independente do gênero ou orientação sexual.


O professor Regis Machado que dá vida ao personagem Xênia Star ressalta: “A Drag é uma personagem que não tem ligação com orientação sexual”.
A arte Drag Queen vem ganhando cada vez mais espaço no Brasil e no mundo, e como consequência disso, mais oportunidades tem surgido inclusive para inserção no mercado de trabalho do entretenimento”. O Workshop de Drag Queen não foi somente um curso de maquiagem ou de costura, mas estas foram algumas das técnicas utilizadas.

O “Workshop de Drag Queen – Processo de Criação de Personagem” serviu como um agente provocador. Xênia Star também aponta a relevância política e social da Drag Queen que vai além do entretenimento, “A Drag que acaba servindo como orientação para muitos”, afirma Xênia.

O Curso foi idealizado pela ACESD – Associação Cultural Educacional e Social Dynamite que é a organização social que faz a gestão do Centro de Cidadania da região leste.

ACESD realiza I Feira de empreendedorismo Circula Trans na Zona Norte

I Feira de empreendedorismo Circula Trans
Praça do Centenário Casa Verde, 1 de fevereiro de 2020, 12h
Centro de Cidadania LGBTI Luana Barbosa dos Reis – Norte
Detalhes
Evento de Centro de Cidadania LGBTI Luana Barbosa dos Reis – Norte, ACESD – Associação Cultural Educacional e Social Dynamite e Coordenação de Políticas para LGBTI
Preço: gratuito

“I Feira de Empreendedorismo Circula Trans”
A primeira feira de empreendedorismo “Circula Trans” do Centro de Cidadania LGBTI Luana Barbosa dos Reis ocorrerá no dia 1 de fevereiro de 2020, na Praça do Centenário. Evento em alusão ao dia da Visibilidade Trans (dia 29 de janeiro), reúne a exposição de projetos de artesãs transexuais, além de atrações culturais e artísticas ao longo do evento.
A feira é uma oportunidade de entretenimento para a comunidade LGBTI e de visibilidade e valorização do trabalho manufaturado por pessoas transexuais.

Programação:
10h às 12h Música mecânica (DJ)
12h Fala Institucional – Presidente da ACESD
12h30 Paula Carvalho Sabino (Show)
14h Bruna Pettala (Show)
15h Don Rafael – Rapper & Poeta
15h50 Agatha Fontenele (show)
16h Shane Montello – Apresentação de Voz e violão
16h50 Marcela Barone (Show)
17h Maitê Schneider (Trans Emprego)
17h Márcia Rocha (Trans Emprego)
18h Laerte Coutinho ( Cartunista)
18h30 Les Girls o musical: Uma diva perto de você (show de encerramento)

Apoio: SEBRAE, Museu da Diversidade, Sub Prefeitura Casa Verde e Vila Nova Cachoeirinha

Formatura da Oficina de DJ do CCLGBTI Norte é realizada

Nesta terça, 17 de dezembro das 14h as 17h, o Centro de Cidadania LGBTI Luana Barbosa dos Reis – Norte realizou o evento de formatura da primeira turma da Oficina de DJs, ministrado pelo coordenador e DJ André Pomba.

Os alunos receberam de forma honrosa os certificados de conclusão. Cada aluno teve a oportunidade de montar um setlist e tocar para os convidados, mostrando todo o aprendizado obtido ao longo das aulas. Parabenizamos o DJ Professor André Pomba e aos futuros DJS: Newton Giglio – Van Pacheco – Shiba – Johnny Barcellos – Athos Souza – Vinny Pazza – Anand Araujo – Kaka Silva – Rogerio Fagundes – LSM – August Santana – Filipe Galles – MystikaM!

Primeira turma da oficina de dj do #cclgbtiluanabarbosa na #zonanorte concluída com sucesso!

Centro de Cidadania LGBTI da Zona Norte apresenta Espetáculo de Teatro A Casca


Os alunos do curso de iniciação ao teatro apresentarão na próxima quinta-feira, às 17h, no Centro de Cidadania LGBTI Luana Barbosa do Reis – Zona Norte – um experimento cênico, com direção de Robson Catalunha. “Casca” é uma investigação sobre o universo LGBTI, através das experiências das e dos alunos, com foco em questões de identidade de gênero, expressão de gênero e sexualidade.
A peça é gratuita e será realizada na Rua Baroré,43 (praça do centenário) no bairro da Casa Verde.
O projeto, que tem a parceria da SP Escola de Teatro com o CCLGBTI Luana Barbosa dos Reis, busca a inserção da comunidade LGBTI em atividades culturais e profissionalizantes.
Venha fazer parte desta apresentação que promete muitas emoções.

Serviço
Teatro – Casca: a espessura é menor que as outras dimensões
19 de dezembro às 17h
Centro de Cidadania LGBTI Luana Barbosa dos Reis
Rua Baroré, 43 (Praça Centenário) – Casa Verde
Informações: (11) 3951-1090 ou recepcao.cclgbtinorte@acesd.org.br

ACESD completou 15 anos em 2019

O fundador da ONG ACESD André Pomba na edição 2017 do Prêmio Dynamite no Teatro Sérgio Cardoso.

Associação Cultural Educacional e Social Dynamite – ACESD completou em 2019, 15 anos de uma vitória existência como OSC (organização sem fins lucrativos da sociedade civil).

Entre 2009 e 2016, a ACESD manteve uma sede de 450 m2 no bairro do Bixiga (Bela Vista) na região central de São Paulo, o CMIJ – Centro de Música e Inclusão para Jovens, que dava oportunidade a jovens para através de atividades culturais e esportivas gratuitas buscarem novas oportunidades tanto de emprego e renda como de inclusão social. Nesse período, formou mais de 3.000 pessoas entre os cursos de música, cultura e inclusão digital ofertados.

No triênio 2010/2012 foi reconhecida como Ponto de Cultura pela Secretaria Estadual da Cultura e Ministério da Cultura, sendo novamente premiada em 2018. Na área LGBT, além de priorizar o atendimento deste público em todas suas atividades, organiza desde o ano de 2000 o Mix Music, pioneiro festival de música voltado ao público LGBT com fomento a artistas LGBTs. A ACESD também é hoje reconhecida como principal apoiadora de artistas independentes por todo o Brasil, com os projetos DemoFest (para novas bandas), Prêmio Dynamite de Música Independente (que já teve o patrocínio da Claro e Toddy) e o Arquivo do Rock Brasileiro (que foi patrocinado pela Petrobrás).

Em 2009, foi agraciada com duas premiações do Ministério da Cultura: Prêmio Pontos de Mídia Livre e Concurso Público Prêmio Cultural LGBT. Em 2010, recebeu o recebeu o Selo Prêmio Cultura Viva, uma chancela de reconhecimento desenvolvida para dar visibilidade às iniciativas culturais que se destacaram no Brasil.

Hoje a ACESD tem a gestão dos Centros de Cidadania LGBTI Laura Vermont – Zona Leste (desde 2017) e Luana Barbosa dos Reis – Zona Norte (desde 2019), equipamentos da Prefeitura de São Paulo e se tornou referência nacional em termos de políticas públicas voltadas para esta população em situação de vulnerabilidade, atuando com serviços sociais, psicológicos, jurídicos, pedagógicos e de inclusão digital.

Mix Music Novos Talentos 2019

Programação musical voltada ao público LGBTI com entrada gratuita no Centro Cultural São Paulo na Sala Adoniram Barbosa nos dias 16 e 17 de novembro de 2019.

Mix Music é o primeiro festival de música voltado para o público LGBT no Brasil e existe desde 2000, como o braço musical do festival de cinema e artes integradas Mix Brasil. Criado pelo produtor e ativista Andre Pomba, e com curadoria de Hanilton Medeiros, este ano, o festival completa 20 anos.

:: PROGRAMAÇÃO ::

16/11 sábado 18h – Novos Talentos Canto/Dança
17/11 domingo 17h – Novos Talentos Drag Queens

:: ENTRADA GRATUITA ::

Centro Cultural São Paulo – CCSP
Rua Vergueiro, 1000, 01504000 São Paulo

TransEsporte – Inclusão para a população LGBT da Zona Norte através dos esportes

Neste último sábado (28) beneficiárias do Programa Transcidadania foram convidados pela Casa Florescer para suar a camisa no Transesporte no Clube de Regatas Tietê no Bom Retiro, Zona Norte. O encontro foi organizado pelo Grupo Florescer e ACESD com objetivo de utilizar a atividade física como promoção de consciência corporal, física e espacial, além de melhorar o desempenho nas relações interpessoais e o trabalho em equipe. A iniciativa acontece uma vez por ano e é voltada para a prática esportiva com foco na população T (travestis, mulheres e homens transexuais).
O evento contou com diversas atividades como orientação com equipe pelo Centro de Cidadania Luana Barbosa dos Reis e Laura Vermont e a presença da Unidade Móvel, jogos de vôlei, futebol, maquiagem, yoga e roda de conversa em oposição sobre projetos de inclusão de pessoas Trans nas equipes esportivas e a participação da comunidade LGBTI+ em práticas de bem-estar e cidadania como um todo.

Sobre o Transcidadania
O Projeto Reinserção Social Transcidadania tem como proposta fortalecer as atividades de inserção profissional, reintegração social e resgate da cidadania para pessoas trans (travestis, mulheres transexuais e homens trans) em situação de vulnerabilidade, atendidas pela Coordenação de Políticas para LGBTI.

Boxing Concert leva torneio profissional de boxe para CEU da Zona Leste

O sábado, dia 3 de agosto de 2019, é de muito boxe no CEU Quinta do Sol, na zona leste de São Paulo; O Boxing Concert, com apoio da ACESD – Associação Cultural Educacional e Social Dynamite.

No combate principal do Boxing Concert, Paulinho Soares mede forças com o venezuelano Edxon Perez, tendo em jogo o título latino WBO e o WBC Silver dos penas.

Na segunda luta mais importante do evento, o brasileiro Paulo Galdino encara o venezuelano Felipe Larez pelo título WBC Sul-Americano dos superleves.

A organização do Boxing Concert preparou ainda mais um título em seu card, o do cinturão brasileiro do Conselho Nacional de Boxe: Morrama Araújo e Francisco Learte (supermeio-médios) são os boxeadores que o disputam.

As informações são do Cruel Fight.

Detalhes do evento
Evento: Boxing Concert 2019
Modalidade: boxe
Data: 03/08/2019 às 14h00 (sábado)
Local: CEU Quinta do Sol
Endereço: Avenida Luiz Imparato, 564; Parque Císper
Localidade: São Paulo – Zona Leste – CEP: 03819-160
Evento para: assistir no local
Valor(es): gratuito